terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Aos meus amigos

Sou composta por pedaços
De histórias e cumplicidades
Há no meu corpo
Registros de ensinamentos, risadas e saudades
Partículas de Andrés
Levando comigo olhares
Sou uma grande mistura
De Marianas e Fabias
Com loucuras
Partes de Ariane e Luana
Rodrigos, Rogérios, Charlis
E Julianas
Sou a Agatha com o Beto
A Michele e os sonhos do Gilberto
Um tanto de Maycon e Eduardo
Um pouco de Lucilenes e Leonardos
Juntando tudo
Eu sou eles
Depois de tudo
Eu sou deles

8 comentários:

João Silva disse...

Dizem que os amigos são a família que escolhemos. Pode-ser também o que a gente escolheu para ser. Se bem que não creio em tanta escolha. Acho que existe uma parcela ao nosso alcance, mas aquilo que a vida nos constrói, e que diz um pouco do que nós somos acaba por agir com maior força.

Devaneios!!!!!!!

Bela poesia!!

Tatiane Trajano disse...

Amigos, amigos... Companheiros de uma vida, particula da felicidade que nos envolve, das saudades que por vezes sentimos.
Amigos, a vida seria triste sem eles!

Parabéns pela poesia!

sweet.cherry.pie disse...

Nossa, que lindo texto, apaixonante! Realmente amei!
Lindo, lindo!

sweet.cherry.pie disse...

Aliás, incomoda se eu fizer um parecido ou inspirado no teu? :D
Realmente gostei da poesia *-*

Salve Jorge disse...

Sendo tantos
Tantas
Todos
E todas
Rodas
Esses modos
Enquanto cantas
Encantas
Mesmo os santos
Mesmo os tolos
Por teres no infinito do teu umbigo
A arte de cada amigo...

MARIUS QUIRÓZ disse...

Grato por sua visita.

Até...

Carolina de Castro disse...

Nooosssaa que lindo.
Eu adorei a rima com os nomes.
As trocas e a sonoridade.
Otima semana.
bj

Heloisa disse...

Nossa.. que lindo isso.. se eu fosse uma amiga sua citada eu chorava agora. Hahahaha, sério!