quarta-feira, 15 de julho de 2009


Vou pra onde for
Se você estiver comigo
Não preciso de paradeiro
Não preciso de casa
Você é o meu abrigo.

13 comentários:

gato preto disse...

como quero um abrigo!
lindo!!

Helen disse...

não há melhor companhia que a de quem amamos. never.

Honório Félix disse...

Hoje acordei com inveja de quem tem abrigos.

Robson Araújo disse...

a felicidade é o melhor abrigo

p.s tempos sem passar por aqui também , como sempre versos precisos grato pela revisita

Niña disse...

Poucas palavras pra dizer tudo... amar é assim mesmo...

:)

Niña disse...

ahhh...ia me esquecendo... amei foto =]

bjinhos

Anitha disse...

...e o amor nosso alimento...

sweet.cherry.pie disse...

Encontrar um abrigo, um porto seguro, que sonho!

Aliás, esse filme é de uma delicadeza e de uma beleza ímpares, um dos meus favoritos, de longe!

Tatiane Trajano disse...

... e se eu pudesse correr para me abrigar nela..

Mônica Meira disse...

Oi Meire, obrigada pela visita !
Muito bonito o seu poema. A fotografia é muito especial para mim também.
Grande abraço e volte sempre

=)

Marcella =) disse...

nao sei porque razão Amélie dá esperança pra gente, dá paz. Acho todas somos uma Amélie e quando olhamos nossas semelhantes temos um pouquinho de mais Fé! Adorei. fofona =]

Devaneios permanentes disse...

Já não brigo
Tenho um abrigo!
:)

Lindo isso aqui!

Ari Pheula disse...

*.*
Adoro este filme!
Adorei tudo!