quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Oração

Uma pessoa, quando nasce com uma sina, não tem pra onde fugir.
E eu que nasci pra ser louca, apaixonada, cega, cá estou pra me entregar:
Me pegue vendaval, tufão, me abrace e me leve. Aqui estou, apenas afim de viver.

6 comentários:

Evelyn Ceinwyn . disse...

Coragem para transpor limites, estações, momentos. O vendaval é intenso é forte. uma boa caracteristica.
Adorei o texto e me identifiquei muito.

abraços.

Kαяℓα Mαяiαทe disse...

Caramba!
Postagem de grande intensidade!
Parabéns e sucesso pro blog, amelística!

Beijos

Nathalie disse...

E que vc viva. E ame. Ame muito.
:)

Arnoldo Pimentel disse...

Lindo e forte seu poema, parabéns.

Carolina de Castro disse...

Amém!

Estrangeira disse...

Gostei muito! De tudo... Mas o que mais me encantou foi a descrição: Dava a impressão de que enquanto o mundo tocava um rock pauleira, ela dançava ao som de uma música clássica.
Vou te seguir ;)